Dia do Jornalista

Padrão

Costumam saber quase nada sobre quase tudo. Mas, ainda assim, arriscam-se em textos e bate-papos com os temas mais variados. Improvisam, aumentam, mas dizem nunca inventar. Usam o telefone o tempo inteiro. Não sabem viver sem Google, Telelistas.net e Aurélio. Escutam conversas de boteco pensando em formas de transformá-las em grandes narrativas. E, a mesma história, contam-na de mil maneiras, se for preciso. Depende do tamanho da lauda. Entre autoridades, artistas e gente com ânsia por aparecer, são vistos como oportunidade. Para outros, são intrometidos.

No currículo, dezenas de filmes, shows e peças de teatro com cortesia. Nisso, costumam se dar bem sempre. São todos inimigos das horas, com exceção das extras, das quais nunca se separam. Nas tragédias, vêem trabalho. Nas grandes datas, plantão. E, aos fins de semana, depende. É preciso checar a escala. Apesar, e, paradoxalmente, por tudo isso, enchem a boca pra dizer: “Sou jornalista.” No trabalho, têm paixão. E quem nasceu pra dar notícia até diz que sim, mas, certamente, não trocaria isso por nenhuma fortuna.

O Dia do Jornalista é comemorado no Brasil no dia 7 de abril, em homenagem a João Batista Líbero Badaró Ele era médico e jornalista, brasileiro de origem italiana, que morreu assassinado por inimigos políticos, em São Paulo, no dia 7 de abril de 1830, durante uma passeata de estudantes em comemoração aos ideais libertários da Revolução Francesa. A data foi criada para chamar a atenção da sociedade brasileira para a necessidade imperiosa de valorização da profissão e do profissional jornalista. Não há democracia sem liberdade de imprensa e não há liberdade de imprensa sem jornalistas.

Os profissionais de qualquer parte do mundo trabalham para levar informações a todas as pessoas. Em cada sociedade, os jornalistas ajudam a produzir cultura, a constituir ou a desconstituir movimentos coletivos; a legitimar ou questionar as relações de poder estabelecidas. São, portanto, profissionais que cumprem uma relevante função social.

Parabéns a todos os jornalistas.

Por Larissa Coelho

About these ads

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s